quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

Telefonema em dia de lua clara, por Lais Mouriê



_Por que não me ligou antes?


_Tive medo.


_Do quê?


_Da sua pele de lua branca. Tenho medo de anoitecer.


_ Mas eu estou bronzeada. Impregnada de sol.


_O teu sol me entontece.


_O teu medo me enebria.


_Sabe ontem? Vi teu azul. Era acinzentado.


_Hoje vi teu cinza. Era tão azulado!


_Quero teu cinza.


_Quero teu azul.


_Só que tenho medo.


_Só que tenho amor.


_O que faremos?


_Eu já fiz. Eu te amei mesmo assim. O que você fará?

(tum tum tum...)

20 comentários:

Lunna Montez'zinny disse...

Faremos assim: vamos unir nossos silencios e deixar acontecer. Quem sabe algo acontece antes de morrermos.

angu disse...

uau! adoro essas atitudes frias nos relacionamentos. humor negro é o que há!

Gabriele Fidalgo disse...

Huhu Adorei, Lais.

Medo? Isso só atrasa as coisas.
Lembrei daquilo que a Clarice Lispector escreveu, e que você conhece bem:
"O medo sempre me guiou para o que eu quero. E porque eu quero, temo. Muitas vezes foi o medo que me tomou pela mão e me levou. O medo me leva ao perigo. E tudo o que eu amo é arriscado."

Beijoos.

poupéezinha disse...

Sens�vel di�logo dentre esta palheta c�smica..

Adriano Caroso disse...

Isso lá é hora da ligação cair? Sacanagem.... Muito legal!

Paulo D'Auria disse...

Esse tum tum tum é seu coração, ele desligou, ou caiu a linha?

Adorei esse diá-logo.
Dia logo,
Noite logo.

Beijos

Paloma disse...

Ótimo...
Lindo, lindo, lindo.

Salve Jorge disse...

Por que tive
Do que.. da sua..
Mas o teu, o teu
Sabe
Hoje quero
Quero
Só que.. só que..
O que eu já fiz
Assim, fará tum.. tum.. tum...

bella disse...

amar é tão simples...
mas tem gente que insiste em complica-lo...

adorei esse blog. vou linka-lo.

bjusss

bella disse...

amar é tão simples...
mas tem gente que insiste em complica-lo...

adorei esse blog. vou linka-lo.

bjusss

Ana disse...

Ah, o medo de amar...
Amar pode até ser simples, o complicado é todo o resto que o envolve...
Adorei, Laís!
Beijos!
Ana

Fada disse...

Ola, estava eu dando uma espiada nas loucuras de outros blogs ando acho o seu!!!

Adorei e por isso estou aqui para perguntar se gostaria de trocar links comigo? Eu te linko la no FadaMutante e vc me linka aqui!!!

Topas?!! por favor, me avise.

beijo grande

Jéssica V. Amâncio disse...

Uia.
Adorei =)

Beijos.

Jota disse...

Que façam um arco-íris!

Eu, disse...

Que lindo!

Ana disse...

Belíssimo diálogo, Lais...
Tão real, e tão irreal, não?
Becitos,
Ana.
www.mineirasuai.blogspot.com

Petit disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Petit disse...

Existe algum tipo de sintonia tênua e e um tanto esmuçada (para dar mistério) entre o que eu vivo e o que escreves?
Definitivamente, sempre que apareço aqui, tens algo a me dizer... e o que me dizes, dizes ao meu coração, como se fosse um acalento... uma forma de fazê-lo entender que sente... e tem o direito de sentir.

Beijo

Don Caco disse...

já não me assusta mais conversar com meu alterego.

:: disse...

- só que tenho medo.
- só que tenho amor.

[adorei essa parte]