quinta-feira, 26 de junho de 2008

Para o mesmo asfalto, por Lais Mouriê


O tempo não passa. A asfalto é o mesmo de ontem, o mesmo de sempre, mas dessa vez o meu pneu furou. Mas nem isso fez o tempo passar. Tirei as roupas da mala, as coloquei de volta na semana seguinte, e nada de passar o tempo. Comprei geléia de uva, aos prantos, por querer a mesmíssima geléia de morango, mas de nada adiantou. O tempo é o tempo de sempre. Deram-me um baralho de poker, caça-palavras e outros passatempos. Certifiquei-me que não passou. A dor ainda é genuína.

O tempo no meu tempo é apenas um nome. Estático.

6 comentários:

Gabriele Fidalgo disse...

Sempre direta, sempre muito sensível aos detalhes.
Beijos, minha amiga!

Marcelo Mendonça disse...

toda dor tem que ser doída

Salve Jorge disse...

Tempo
Tempo
Tem pó
Tão pouco
Tampouco
Tampa
Oco
Louco
Rampa
Derrapa
Um corpo
Que cai
Inerte
Mas aperte
Que algo sai...

Acho que cabe um diálogo.. (http://mixandoassovios.blogspot.com/)

José Calvino disse...

Poetamiga Lais,
Gostei muito. Aproveitando o ensejo, permita-me:
"O Tempo"

O que deveras fazer?

No que me tange
Você pode fazer como quiser
É mesmo que atingir o cume da montanha
Num perigo nas emoções
Com a sede de aprender
O tempo...
Velhos tempos
Tempo que traz-me lembranças
O canto do amanhecer
Lembro-me agora de um ano
Que nem tenho tempo de pensar
Com tanto amor para dar
Amor de todas as cores
Tudo de novo começar
Em que num só verso:
Com tanta sede de amar.
Bjs e um abração,
José Calvino
Recife

Calebe disse...

E nem sei o que dizer; uma palavra esperando tradução.

Mila disse...

Flor, minha mãe sempre me disse, "nada como um dia atrás do outro" / "o tempo é o melhor remédio pra tudo"... Sempre achei sábias as palavras que por gerações vêm sendo repetidas, mas ultimamente, sinto que a dor e o tempo são coisas que, quando se aliam, dilaceram o peito vorazmente. Digo-te uma coisa, te alia a eles, antes que eles te devorem!

O tempo: uma outra coisa em que eu sou cismada é que sempre vejo horas repetidas, e a tua postagem foi feita às 15:15h e isso não me pôde passar despecebido!

Grande bjo!