terça-feira, 13 de janeiro de 2009

As cores do Amor, por Samantha Abreu

foto de Lara Jade
.
Pela frente todos se entregam. E me olhava tão através que nenhum pronome me fazia possessiva de mim. Atravessando-me, as cores entravam com ele e, em segundos, passavam do peito às costas. Certa vez, até confundi com as cores do amor [O mundo é azul, qual é a cor do amor?]. Bem assim: o fascínio estampado fazendo com que, por algum tempo, eu fosse uma das tais garotas coloridas com um sonho em cada tom da paleta.
.

5 comentários:

Leonardo Werneck disse...

O amor é branco como a paz e azul como o mar! mas todas as cores cabem no amor.

Beijo

Maria Muadiê disse...

Belo texto.
Acho que cada amor tem uma cor.
beijo

KimdaMagna disse...

O amor é negro e por ter a força da ausência da cor, logo, tem nele todas as cores. Aliás todas as outras cores reassaltam melhor ao pé do negro.
E do desamor qual a cor a atribuir?

abraço na Kianda

xaxuaxo

Raquel disse...

Eu bem queria ser como essa garotinha colorida e possuir as cores,o amor.
Ultimamente tenho me interessado muito pelo mundo da literatura,e estou admirada com o blog de vocês,confesso que ainda estou meio perdida,sem saber bem por quais livros e quais autores começo a estudar.Quando encontrei o blog fique mais instigada ainda a ler e quem sabe escrever também.Enfim vocês estão de parabéns pelo blog,os textos são muito bons,tenho divulgado esse blog pra muitas amigas.
abraços!

Marcelo Mendonça disse...

Coloridamente lindo, bjo e saudades ds textos