segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Algumas coisas se perdem, por Juliana Hollanda


ontem eu liguei para você
pensando que você fosse atender e então eu lembrei
de uma conversa que tivemos a não muito tempo
falando do nosso amor, e porque nós o deixamos ir…

nós dois concordamos que o “timing” não era o certo
e você disse alguma coisa como “eu nunca vou esquecer aquela noite”.

algumas coisas se perdem, algumas coisas apenas desaparecem,
mas não o meu amor por você, eu vou mantê-lo junto e perto.
algumas coisas simplesmente apagam como cicatrizes e sonhos,
eu tenho seu coração aqui comigo.

você disse que você aprendeu na vida que as chances passam por ti
e que o que você acha que é seu, lentamente some a frente dos seus olhos
e parte de crescer é que você não pode voltar no tempo.

você tem que viver com seus arrependimentos, as coisas que você deixou para trás
e nós concordamos que nós seremos acima de tudo amigos...
-“vamos nos falar logo, logo, eu tenho que ir” você disse.

eu te liguei ontem achando que você fosse atender
e então eu me lembrei.

4 comentários:

NiNah disse...

Infelizmente as coisas são assim. =(
Triste.
Muito bonito seu escrito me fez pensar algumas coisas...
Bjo

Marcos Satoru Kawanami disse...

todos temos nossos momentos de Dolores Duran, eu tenho 2 CDs dela.

este teu post lembra a canção "Fim de Caso", que ela mesma compôs.

Elisa Lis disse...

ai, ai...

vai entender...

tantos sentidos para um, tão pouco para outro...

Sunflower disse...

nhaim, amiga. A gente assopra pra passar, mas não sara nunca.

PS: Amo Doi Dias em Paris.

beijas